Receita de Migas, por Maria de Lourdes Modesto


© Tiago Estima

Nesta época do ano o gaspacho, bem frio, acalmando o calor interior, é refeição de deleite. Repasto com raízes que amansa suores, convidando à sesta prolongada. Daqui a uns dias prometemos mais receituário desta ordem alimentar, que iniciamos agora, com uma receita de Migas da "Diva" da cozinha portuguesa, Maria de Lourdes Modesto. Bom proveitozinho! [RPF]

Receita de Migas, por Maria de Lourdes Modesto

Corta-se o entrecosto e a carne em bocados regulares e barram-se bem os alhos picados e a massa de pimentão. Deixa-se ficar assim de um dia para o outro.
Corta-se o toucinho em bocadinhos.
Numa tigela de fogo (tigela de barro vidrado muito estreita na base e larga em cima) levam-se a fritar as carnes e o toucinho juntando uma pinguinha de água (para não deixar queimar).
Retiram-se as carnes à medida que forem alourando.
A gordura (pingo) resultante da fritura das carnes é passada por um passador.
Tem-se o pão cortado em fatias.
Deita-se o pão cortado na tigela, rega-se com um pouco de água a ferver e bate-se imediatamente com uma colher de pau, esmagando-o.
Tempera-se com o pingo necessário, batendo as migas. Estas devem ficar bem temperadas mas não encharcadas de gordura. Sacode-se a tigela, sobre o lume, enrolando as migas numa omeleta grossa.
A esta operação dá-se o nome de enrolar as migas. Quando as migas estiverem envolvidas numa crosta dourada e fina, colocam-se na travessa, untam-se com pingo e enfeitam-se com as carnes.

© Maria de Lourdes Modesto

0 comentários: