Bolsas de estudo Corticeira Amorim & WSET



















A Corticeira Amorim transforma produtos de cortiça, e gera um volume de negócios superior a 495 milhões de euros em 103 países. Junto com as suas subsidiárias, mantêm a procura daquela matéria-prima como um elemento fundamental da economia portuguesa, e mundial - facto que contribui também para a preservação da biodiversidade no Alentejo e outras zonas onde a paisagem 'horizontal' depende da remoção controlada daquele produto. 

A propósito desta área de negócio, e como complemento efectivo da sua estratégia no que diz respeito à educação e formação no negócio da cortiça e dos vinhos, a Corticeira Amorim associou-se ao Wine & Spirit Education Trust (WSET), uma instituição bastante conceituada de ensino, baseada no Reino Unido e especializada em formação técnica de vinho e bebidas espirituosas.

Esta parceria inclui o financiamento integral de duas bolsas de estudo para licenciados do WSET - um britânico e um seleccionado da lista de estudantes internacionais que frequentam a instituição -, e prevê a visita a Portugal, onde os estudantes terão oportunidade de contactar com a singularidade da indústria da cortiça e o seu papel na qualidade e percepção do vinho. Passarão, por exemplo, pela experiência do descortiçamento, e pelos laboratórios de I&D. 

O objectivo, diz Ian Harris, CEO da WSET, 'é dar aos alunos uma perspectiva transversal da indústria do vinho e dos vedantes'. "Esta parceria permite uma introspecção valiosa à indústria da cortiça.” Carlos de Jesus, director de Marketing e Comunicação da Corticeira Amorim, refere também que 'esta será uma oportunidade excelente para o contacto da próxima geração de profissionais do sector vinícola, dando-lhes a conhecer as imbatíveis credenciais técnicas e de sustentabilidade do vedante natural."

Os vencedores das primeiras bolsas de estudo contempladas nesta parceria serão seleccionados em Novembro, e anunciados na cerimónia dos WSET Awards & Graduation, no dia 21 de Janeiro de 2013.