‘Carta de intenções’ para o que se vem e vai escrevendo aqui (em progresso)


Viagens no meu Sofá passou a ser uma revista online. São quatro os temas base abordados: viagens, arquitectura vinhos e gastronomia. Qualquer deles com ramificações para temas relacionados, o que inlcuirá opinião sobre produtos, locais, hotéis, depoimentos e reportagens. Como revista digital, tentará reproduzir ideias claras sobre aquilo que tem valor, e pode ser divulgado segundo princípios específicos:
 
1.      Rigor;
 
      2.      Transparência;

3.      Isenção.

A crítica, ou opinião, seja sobre vinhos, livros, teatro, cinema, arquitectura, é sempre subjectiva, embora assente em parâmetros de objectividade que podem ser entendidos por todos.
Por isso, os valores defendidos são os que delimitam o que é relevante, que faz a diferença, que traduz-se na produção de conteúdos importantes para o leitor, a audiência.

Os meios para alcançar esse fim de trazer ao leitor uma informação bem tratada serão os mesmos que foram até aqui utilizados, com acréscimos quantitativos, facto que poderá advir de incluir-se publicidade paga na página web da revista (em diferentes formatos).
A informação será disponibilizada depois de pesquisa própria (investigação), pelo tratamento de conteúdos, tornados acessíveis por agências de comunicação, e empresas que pretendam divulgar a sua marca, pela selecção de notícias consideradas relevantes, tratadas depois pelos meios próprios.

A Viagens no meu Sofá é um canal de informação media, da produção de outros e da sua própria produção, interagindo com os parceiros de acordo com pressupostos bem definidos. Marcando a diferença entre cada uma das áreas assumidas como importantes para completar o património editorial até aqui produzido e fixado.
Na Viagens no meu Sofá escreve-se de acordo com a antiga ortografia.

Esta 'Carta de Intenções' está disponível para consulta no capítulo 'Novidades'.