Diálogos matutinos, ao Sábado, numa papelaria ou banca de jornais perto de si [1]

Rapaz de aproximadamente vinte e cinco anos entra numa papelaria, olha para a prateleira dos jornais e volta-se para a rapariga atrás do balcão.
Rapaz 1
(ansioso, os olhos muito abertos, a falar muito depressa)
- Bom dia, tem o jornal SOL?
Rapagira 1
(com enfado)
- Não, já não temos. (pausa) Está nublado...
O rapaz abandona a papelaria. A Rapariga 1 atende outro cliente que entretanto entrou, um homem de cerca de quarenta anos que se aproxima do balcão, enquanto outro cliente homem de cerca de trinta anos arruma o último jornal Expresso no saco, pedindo o DVD e a revista em falta a outra rapariga (2), a trabalhar atrás do balcão.
Homem
(muito confiante)
- Quero o Expresso, por favor.
Rapariga 1
(com um meio-sorriso)
-Também já não temos. Devia ter mandado guardar.
Rapaz 2
(muito ensonado)
- Por favor, pode trazer-me a revista e o DVD?
Rapariga 2
- Ah, falta, não é, só um momento?
A rapariga 2 entrega a revista e o DVD ao cliente (rapaz 2).
Homem
(com expressão de superioridade)
- Isto enquanto houver esta dança dos DVD's..., vai ser...
Rapariga 1
(tentando ser prestável)
- Quer que guarde para a semana?
Homem
(com expressão definitivamente superior)
- Eu sei lá onde estarei para a semana...
Rapariga 1
(anuindo)
- Pois é, pois é...
© Ruben P. Ferreira

0 comentários:

 

Quantcast