Ai a ponte, a ponte, estou a ficar afectado com a ponte

A comentadoria indígena anda muito angustiada com as tolerâncias de ponto. Talvez fosse mais produtivo, encontrarem temas mais relevantes para abordar. Assim, o povo teria a oportunidade de ler artigos com interesse, pá! Em vez de um chorrilho de repetições que, em teoria, só se aplicam aos outros.

 

Quantcast